CONHEÇA A FOTOTECA MUNICIPAL

19 de agosto de 2019

19 de Agosto - Dia Internacional da Fotografia

A Fototeca Municipal Ricardo Giovannini parabeniza a todos os Fotógrafos pelo seu dia, e que nos mostram que atrás de seus clicks, há muito mais do que uma simples captura. Obrigado por compartilharem conosco a ideia de que toda a imagem aproxima culturas,  saberes e fazeres e diminui distancias.


11 de agosto de 2019

Patrimônio em Cena - 2ª Edição 2019 - DIVULGAÇÃO - Prefeitura Municipal do Rio Grande

Nós curtimos esse evento! Participem!



Prefeitura Municipal do Rio Grande/RS realiza o evento Patrimônio em Cena – 2ª Edição 2019

A Prefeitura Municipal do Rio Grande/RS realiza o evento Patrimônio em Cena- 2ª Edição, e convida a comunidade em geral, para entre os dias 14, 15 e 16/08/2019, participar de discussões, estudos e responsabilidades que cercam as múltiplas faces do Patrimônio, destacando nessa edição o Patrimônio Imaterial.
O evento Patrimônio em Cena tem a intenção de provocar a comunidade, a entender os papeis sociais, do poder público, da sociedade civil e a iniciativa privada, enquanto agentes do patrimônio, já que este é um conjunto de todos os bens, tanto materiais quanto imateriais, e que temos como obrigação não somente a salvaguarda desses, mas a transmissão simbólica e o entendimento desse valor diante de um passado-presente, que ressignifica-se dentro dos espaços de memória.
O patrimônio em sua herança simbólica é o fio condutor que nos une enquanto sociedade, ele nos desafia a entender e redefinir o nosso presente. A promoção de nossos bens precisa estar em consonância com as propostas de integridade e respeito à identidade dos mesmos. O processo de salvaguarda são ações da manutenção para o bem cultural e a sua relação saudável com o meio que o produziu.
Reconhecer a importância cultural estimula os agentes do processo patrimonial, a entender o patrimônio como um conjunto de bens diversos onde deve ser mantido a sua integridade, o respeito à diversidade cultural e o valor de uma memória coletiva.
Serviço:
Evento: Patrimônio em Cena
Local: Prefeitura Municipal do Rio Grande/RS - Largo Eng. João Fernandes Moreira, s/n
Período: 14/08/2019 à 16/08/2019
Site (Inscrições e Programação):  https://patrimonioemcena.wixsite.com/meusite
Contato: Telefone: 32338408 ou pelo Email: patrimonioemcena@gmail.com

21 de junho de 2019

Colégio São Pedro visita a Fototeca Municipal Ricardo Giovannini

No dia 18 de Junho de 2019, recebemos a visita do Colégio São Pedro, alunos do Ensino Médio (1º ao 3º ano) acompanhados dos professores, puderam  conhecer um pouco mais sobre a Fototeca, e também prestigiaram  a Exposição: Deem Asas ao Brasil: Aeroclube Cidade do Rio Grande nos seus 80 anos.

Estava ótima a visita!








7 de junho de 2019

Bate-Papo com o Fotógrafo 2019!


No entardecer do 06 de Junho de 2019 (quinta-feira), às 17hs, na Livraria Vanguarda – Centro Rio Grande, aconteceu o Bate-Papo com o Fotógrafo 2019, organizado pela Fototeca Municipal Ricardo Giovannini, Secretaria de Município da Cultura,Prefeitura Municipal do Rio Grande e Livraria Vanguarda, tendo como convidado, Sérgio Carvalho Pereira, e seu tema intitulado: “Sul, Poesia e Ensaio Fotográfico”
Agradecemos a todos que prestigiaram o evento!











Rio Grande - RS - Brasil
O acervo da Fototeca Municipal teve sua formação dentro do Arquivo Histórico do Centro Municipal de Cultura Inah Emil Martensen, setor desta instituição que objetivava salvaguardar documentos textuais, fotografias, livros, e demais acervos relacionados com história e memória da cidade do Rio Grande. Este setor do Centro Municipal de Cultura recebeu no ano de 1986 uma Coleção de Fotografias da Professora de Canto e Piano, Inah Emil Martensen. Em 1º de Julho de 1997, para atender aos propósitos e demandas da comunidade a Prefeitura Municipal do Rio Grande cria através do Decreto nº 6985, a Fototeca Municipal e mais tarde,o Prefeito Municipal, através do Decreto 10288 de 27 de maio de 2009 assinou a denominação da instituição, que passou a chamar-se Fototeca Municipal Ricardo Giovannini. Além da coleção da Professora Inah Emil Martensen, há um conjunto de imagens fotográficas, que passaram a integrar o acervo da Fototeca Municipal, que registra o trabalho dos fotógrafos, onde podemos citar Ricardo Giovannini, Matteo Tonietti, Cauby, Rubens Simão, Rubens Cardoso, Cleto, João Paulo Ceglisky e Gerson, como era conhecido popularmente.

Ricardo Giovannini

A Fototeca recebeu esta denominação em homenagem ao grande fotógrafo, pintor e também cantor barítono que mais apresenta imagens assinadas nesta instituição museológica. Giovannini nasceu em Parma / Itália, em 24 de julho de 1853. Em Rio Grande realizou muitas fotografias, onde podemos destacar os famosos cart-gabinet e cart-de-visit.
Na história deste fotógrafo e pintor, destacamos o grande número de retratos, tanto pintados a óleo como também apresentando a técnica da fotopintura.
Giovannini registrou o requinte de sua pintura em muitas residências de famílias dacidade, ainda em clubes, palcos eem algumas instituições de Rio Grandecomo também em outras localidades da região.

Você já visitou um Museu?

Seguem dicas de como apreciar as obras expostas em uma galeria, sem perder nenhum detalhe...

1. Procure o começo da exposição.

Grande parte das galerias de Arte organiza suas exposições com começo, meio e fim, contam uma história...

2. Perceba o formato da mostra...

Isto é muito importante, visto que nem sempre é possível tocar no conteúdo exposto. Se a mostra promove a interatividade ou apenas a observação, aproveite e participe conforme solicitado.

3. Leia o texto de apresentação da exposição.

O texto que abre a mostra garante ao visitante o contexto histórico e artístico das obras, facilita a compreensão perante o tema escolhido e o conteúdo exposto.

4. Não tenha pressa!!!

Perceba os detalhes que a obra oferece a você... a presença de luz, de cor, a escolha do material, a técnica empregada, o suporte em que a obra está sendo exposta, o contexto histórico, cultural... e toda a estética que o autor concebeu em seu processo criativo.

5. Faça uma leitura própria da obra.

Cada espectador tem uma forma diferente de ver e contextualizar a obra exposta. Faça a experiência, use a imaginação!

6. Marque sua presença!

Ao final da exposição algumas galerias disponibilizam um livro de presença para que o participante deixe registrado a sua visita. E como é bom saber que você fez parte de nossa história!

Visite museus, galerias, feiras e demais eventos culturais em sua cidade!